Todo corredor adora um bom desafio. Uma meta a ser cumprida ou uma planilha muito bem determinada direciona os treinos. Evita também a preguiça porque, afinal, você tem um desafio pessoal a cumprir ou uma planilha para completar.

A ideia de auto desafio é simples: você determina o que quer para si na corrida de rua e segue. Pode ser uma simples meta de correr dois dias na semana por 30 minutos ou completar 150 km em 30 dias. O que vale é você ter consciência da sua capacidade e ir em frente na meta.

Criando seu auto desafio

No primeiro Papo Corrida do ano conversando com Carlos Henrique, o conhecido e adorado CH. Além de ser um poço de simpatia, ele mostrou que o ato de desafiar-se o mantém motivado por um longo período. Afinal, foram 365 dias correndo e se mantendo sempre firme! Vale a pena ouvir este episódio (que por sinal foi nosso primeiro ao vivo!).

RELACIONADO: É possível praticar atividades físicas 365 dias no ano? 
RELACIONADO: Podemos ou não criar expectativas para 2021? 

A ideia de criar um desafio pessoal e único é ter uma motivação. Pense em algo que você queria muito fazer. Um trajeto, por exemplo, uma meta semanal ou um tempo de treino. Coloque na cabeça (ou no papel, ou em uma planilha no seu celular) e siga! Vá adiante e arrase!

Cada um sabe o que pode fazer

Um dos problemas do auto desafio é analisar o dos outros. Um grande pecado, vale informar. É preciso respeitar a individualidade e saber que, mesmo correndo há muito tempo, suas condições físicas são bem diferentes do seu colega de equipe, amigo da faculdade ou do cara postando treinos no Instagram.

Abalar-se quando o outro pode mais do que você é normal. Podemos dizer que é “coisa de corredor”. Contudo, tentar ir além do seu limite é arriscar um ano de treinos, lesões e dores. Vale a pena? Colocando na balança de forma clara, com certeza não vale. Pense nisso antes de seguir adiante e se deixar comover por treinos longos, paces baixos e dicas avassaladoras dos amigos para ir além quando. Às vezes você precisa de um pouco mais de tempo para se adaptar ao seu colega de equipe.

O legal do auto desafio é conseguir motivar-se dentro do seu limite. Se não consegue ir além de 15 km por semana, tudo bem, é assim mesmo. O importante é se empenhar em sua meta, que pode ser grande para alguns amigos e pequena para outros. Mas é a sua e só sua.

E se não der certo?

Se, infelizmente, o desafio não foi cumprido, a dica é fazer uma autoanálise e reparar. Será que se tivesse um amigo no mesmo desafio vocês ficariam bem juntos? Ou você precisa de uma meta menor para não sentir dor? Ou esqueceu o quanto a minha agenda é louca e não dá para cumprir tudo isso?

Com esses pequenos desafios criados para si, conseguimos aprender mais sobre nós mesmos. É um momento para relembrar o que te atrai na corrida de rua, o que te deixa feliz. E, se você tinha esquecido como é prazeroso correr por correr, esta é uma boa forma de retornar ao foco.

O legal do auto desafio é não precisar de ninguém para cumprir. Pode ser algo para começar hoje, amanhã ou quem sabe semana que vem. Escolha a melhor data, analise as possibilidades e corra!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here