Correr é bom demais, a gente sabe disso. Aquele sentimento de liberdade misturado com a euforia do final da corrida é delicioso de sentir. Entretanto, nem sempre o destino nos leva para momentos positivos. Eventualmente algo acontece e, subitamente, a corrida de rua necessita de uma pausa na agenda. E agora?

Não é o fim do mundo. Todo mundo precisa de um tempo em algumas coisas. Às vezes precisamos parar de tomar café ou da ingestão de um medicamento, por exemplo. E é só por um tempo e tudo bem. O problema é que o corredor apaixonado não encara muito bem a pausa.

Se tem que pausar, pause!

Se por uma lesão os treinos estão suspensos por ordem médica, então pause, ora! Parece totalmente lógico este pensamento, mas para alguns é uma completa tortura esta pausa forçada. E aí eles treinam de novo com a desculpa de “são só 5km” e, antes que consigam finalizar o treino, temos um problema maior. E a pausa de três semanas se torna dois meses, seis ou um ano!

Já conversamos no Papo Corrida sobre lesões no esporte com o fisioterapeuta Luiz Felipe sobre a importância da pausa e respeitar os tratamentos. Este momento sem atividade física pode enlouquecer alguns, mas não pode ser ignorado.

A pausa existe por um motivo: ela é necessária. As vezes é a conclusão de um projeto da faculdade ou em uma doença. Um parente necessitando ou a família precisa de atenção. Então a corrida, um hobby, fica em segundo plano. E tudo bem (se você, amigo leitor, não for um corredor da elite ou atleta olímpico, claro!).

Aproveite o momento para aprender

Já pensou na sua pausa dos treinos como um período produtivo? São dois ou três dias na semana sem deslocamento, os quais podem ser aproveitados de outras formas. Que tal ler alguns livros sobre corrida de rua? O atleta Júlio Cordeiro, por exemplo, lançou um sobre suas empreitadas na maratona e foi até tema de conversa no Resenha de Corrida.

Pausar os treinos pode ressignificar seu conhecimento sobre a corrida de rua, se assim você desejar. Há muitos bons documentários, séries de TV e filmes para aprender com grandes corredores.

Sem provas na agenda pessoal, pode ser um momento para assistir ao clássico Carruagem de Fogo se ainda não viu. Ou ler um livro sobre técnicas de corridas e alongamento para aprender mais.

Ou quem sabe você assiste aos episódios antigos do Resenha de Corrida ou maratona os podcasts do Papo Corrida…nunca se sabe o quanto um tempo extra na agenda pode oferecer.

E não se preocupe que, depois da pausa, a corrida de rua estará na sua vida de novo. Ela estará lá esperando por você sempre! Ela vai te acompanhar o resto da sua vida e logo você volta.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here