Início Relato de Provas Saiba como foi: V CICORRE

Saiba como foi: V CICORRE

1672
1

Subidas e descidas. Assim podemos definir a etapa da CICORRE mais desafiante que aconteceu neste domingo. Com percursos de 4 e 8 quilômetros, a quinta etapa do circuito anual organizado pelo CORRE é o mais desafiador das onze etapas devido a sua variação altimétrica. E foi enfrentando este desafio que centenas de corredores amanheceram para enfrentá-lo no Monte dos Guararapes.

Com trajeto alterado neste ano, o percurso da quinta etapa sofreu algumas alterações comparadas com as edições anteriores. A mais sensível delas foi o percurso, passando de 3,3 quilômetros para quase 4 quilômetros, deixando de contornar a Avenida do Córrego da Batalha e fazendo seu retorno próximo ao Santuário de Nossa Senhora dos Prazeres. Com o clima ameno marcando 25 graus, o CORRE disponibilizou dois postos de água gelada durante o percurso.

altimetria_v-cicorre_2016
Altimetria desta ultima V Cicorre | Dados: Runtastic

Para possui o costume de praticar seus treinos em morros ou escadarias é natural que ocorra a queda de desempenho nas elevações… principalmente num percurso como o do Monte dos Guararapes que possui uma subida iniciando em outra! Já nos metros finais voltando para o Mirante muitos corredores optaram por terminar caminhando as ladeiras para no fim dar aquele sprint.

E isso é o bacana da CICORRE, com cada nova etapa aflorando em cada atleta o sentimento de desafiar a si próprio. E por falar em etapa, a VI CICORRE já tem data para acontecer. Será em Olinda, dia 12 de junho, na Praça do Jacaré, com percursos de 5 e 10 quilômetros passando pela orla da Cidade Patrimônio.

Organização
Percurso
Preço
Avaliação

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here