Início Corrida de Orientação Ipojuca recebe 8ª Copa Nordeste de Orientação em dezembro

Ipojuca recebe 8ª Copa Nordeste de Orientação em dezembro

1679
0

A oitava edição da Copa Nordeste de Orientação acontecerá apenas em dezembro, mas quem quiser participar da prova já pode começar a ficar ligado nas novidades. Colocando Pernambuco como estado sede do regional, a Copa do Nordeste será realizada na cidade de Ipojuca entre os dias 6 e 9 de dezembro. Ao todo serão três dias de competição de Orientação (corrida ou caminhada com mapa e bússola), reunido vários competidores, de crianças a idosos.

As inscrições para Copa Nordeste de Orientação serão iniciadas a partir de julho, no site da Confederação Brasileira de Orientação (www.cbo.org.br), contando com três provas distintas. No primeiro dia será realizada a prova de Sprint, inserindo os competidores em área urbana, com duração média de 15 minutos. Já no segundo dia de prova será exclusiva para o percurso longo, realizada em ambiente rural com variedade de vegetação e relevo, com duração aproximada de 70 minutos. No ultimo dia de prova acontece o percurso médio, também em ambiente rural, no entanto, bem mais rápido e curto que o percurso longo. As três provas serão divididas em categorias por gênero e idade, contando também com quatro níveis de dificuldade (novato, iniciado, avançado e elite).

Para os orientistas pernambucanos, a Copa Nordeste de Orientação também será válida como a última etapa do Campeonato Pernambucano de Orientação (CAMPORI), prova promovida pela Federação Pernambucana de Orientação (FEOPE).

UM POUCO SOBRE A CORRIDA DE ORIENTAÇÃO: 

A Orientação é um esporte que o atleta está em contato com a natureza. Ele deve percorrer um percurso pré determinado no mapa (de acordo com a categoria) passando por pontos de controle no menor tempo possível, cabendo ao atleta decidir a melhor rota observando a distância a ser percorrida de acordo com a escala do mapa e auxiliado pela bússola ou observando o mapa com o terreno. A largada é feita de forma escalonada, onde o atleta da mesma categoria (mesmo mapa) não larga ao mesmo tempo e sim com diferença de alguns minutos, tornando a competição mais justa e competitiva. Nem sempre o atleta mais rápido será o vencedor, mas sim o que escolheu a melhor rota, que traçou a melhor estratégia, que tomou decisões acertadas mais rapidamente, que foi mais autoconfiante e corajoso ao longo dos desafios encontrados no percurso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here