Início Relato de Provas IV Caruaru Night Run: Saiba como foi…

IV Caruaru Night Run: Saiba como foi…

637
3

Sábado foi um dia memorável para o interior pernambucano, com a cidade de Bezerros comemorando os 149 anos de sua emancipação política e também dos 162 da fundação de Caruaru. E claro que não podia faltar uma corrida de rua para festejar suas datas, correto? Enquanto a cidade do Bezerros fazia sua edição da Corrida da Emancipação, a gente passava direto pela Terra do Papangu e pegava a estrada rumo a Capital do Agreste, para a quarta edição da Caruaru Night Run, corrida de rua oficial no calendário pernambucano e que teve o privilégio de fazer a abertura do São João de Caruaru.

Mesmo com apenas quatro edições, a Caruaru Night Run vem a cada ano garantindo seu espaço no calendário e se firmando como uma das principais provas do calendário estadual. E a maior prova disso são as caravanas, saindo não apenas de cidades do interior, como também da capital. Só da turma do Recife foram pelo menos umas quatro vans, fora aquela turma que saiu guiando seu carro ou moto até a Capital do Forró para um bate-volta ou até mesmo, buscou na corrida uma desculpa (da boa!) de levar a família para um passeio no fim de semana! Para quem veio de cidades vizinhas e não teve quem pudesse pegar os kits no dia de semana, a entrega aconteceu também no sábado a tarde, em um horário reduzido na Faculdade Asces, sem qualquer fila ou atropelo. E com a concentração iniciando às 18h30, no Autódromo Ayrton Senna, milhares de corredores e acompanhantes já chegava por lá e ficavam juntos na área dos boxes, para as provas de 4 e 8 milhas, que tiveram sua largadas às 19h30.

A energia do interior é algo contagiante realmente. E sempre digo isso aqui, né? É sempre bom lembrar! E o clima noturno em Caruaru ajuda demais, principalmente para aqueles que almejam bater seu recorde pessoal. Clima frio, se comparado com a noite recifense e bem diferente da nossa última visita ao autódromo, na excelente Corrida Crazy Runners, onde o sol castigou… Na minha opinião, não tanto quanto no Recife, mas castigou!

Já o trajeto da prova realizada no Autódromo é sempre bacana e desafiador, com suas curvas, subidas e descidas. Quem estava inscrito para realizar as quatro milhas realizou duas voltas no Autódromo Ayrton Senna, enquanto que os corredores inscritos nas oito milhas realizaram quatro voltas. Ao longo do percurso não faltou hidratação, com dois postos instalados, um logo após a linha de chegada e outro na metade do autódromo. Embora a prova tenha sido arretada, ainda sim ela peca bastante em alguns pontos e um deles é a iluminação do percurso, que é algo bastante deficitário do próprio autódromo.

Mesmo com os esforços da organização, instalando refletores em diversos pontos do percurso e contando com alguns veículos ligados com farol alto, o percurso ainda mostrou bastante escuro em alguns pontos. Para quem tem a vista em perfeitas condições, não sentiu tanto problema assim, mas quem sofre com a perda da visão em locais de pouca luz, sofreu um bocado e sentiu insegurança, temendo alguma surpresa ao longo do trajeto. Talvez se no kit do corredor, viesse junto uma lanterna de cabeça a dinâmica da prova talvez fosse totalmente diferente. Por sorte o autódromo não conta com buracos ou “montinhos” de piche.

Outro ponto bastante criticado pelos corredores inscritos momentos antes da prova foi a “queima de estoque” realizada durante a concentração dos corredores. O problema é que quem chegava lá na hora da prova conseguia fazer sua inscrição com um valor bem abaixo do que fora por exemplo, praticado para grupos e assessorias. Se por uma parte foi bom para quem não realizou a sua inscrição a tempo, para quem fez sua parte e se programou com antecedência é de uma lamentação justificável e acaba gerando incertezas para a próxima edição, se vale a pena participar fazendo sua inscrição com antecedência, sabendo que o organizador praticará essa “promoção” no dia do evento, ou até mesmo não ir, pois eventos não faltam no calendário.

Mas e você ai, participou também da quarta edição da Caruaru Night Run? Esquecemos de pontuar algo aqui? Se você correu, conta aqui pra gente, nos comentários e compartilhe também, dando a sua nota na “votação do leitor”. As fotos oficiais da prova já podem ser conferidas através do site Foco Radical (clique aqui). Já o resultado da prova pode ser conferido através do site www.uptempo.com.br.

E se você quer saber de mais corridas em Pernambuco confira todo o calendário de provas que acontece no estado, clicando AQUI! Na próxima semana a gente chega com mais um vídeo em nosso canal do Youtube mostrando um pouquinho do que foi a corrida! Ainda não tá inscrito? Fica ligado! Inscreva-se e veja o vídeo desta e de outras corridas em nosso canal, clicando AQUI!

Organização
Percurso
Preço
Avaliação

3 COMENTÁRIOS

  1. eu adoro as corridas organizadas no autódromo Ayrton Senna, o percuso e interessante e pratico. meu unico pesar sobre as provas organizadas la e pela falta de transporte par volta, principalmente para corridas a noite.

  2. O percurso é muito bom pra quem busca RP, o Contra ficou por conta da premiação que na edição do ano passado era para os 3 primeiros de cada faixa etária nas 8 milhas e nesse ano eles reduziram para apenas o 1° colocado, sem falar q só liberaram o regulamento a uma semana da prova, quando muitos já estavam inscritos.

  3. Mesmo já citado, a forma como foi vendido os kits no dia do evento, chegando a ficar por 20,00R$ minutos antes da largada, é lamentável. Mostra que a organização não se importou com aqueles que antecedentemente se programaram e pagaram um valor, por sinal, alto para o que foi entregue como kit.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here